Arranjos e poesias propõem um belo espetáculo na noite desta sexta no Teatro Jansen Filho

Do(a) Secom - PMM Publicado em 12/02/2020 às 10:57

Arranjos e poesias propõem um belo espetáculo na noite desta sexta no Teatro Jansen Filho
O paraibano Augusto dos Anjos e seus poemas vem sendo trabalhados por Chico Viola em suas apresentações desde o final dos anos 70. Sua admiração pelo autor se deu quando o mesmo ainda estudava no grupo cênico do Lyceu Paraibano.

Em 1989, fez a leitura musical de “Versos íntimos”, no projeto Razão Tupiniquim, da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope). Em 1998, ainda em fita K7, gravou 16 poemas musicados que foram lançados nos 90 anos do livro “Eu”, em 2002.

E nesta sexta-feira às 20 horas, Chico Viola apresenta no Teatro Municipal Jansen Filho, em Monteiro, os 15 poemas de Augusto dos Anjos que viraram melodias como  A árvore da serra”, ‘Psicologia de um vencido’ e ‘Alucinação a beira mar, lançados em 2002.

A entrada é gratuita, porém o evento é colaborativo, ficando a cargo de quem assiste o espetáculo ofertar qualquer quantia mesmo não sendo obrigatório.
Tempo
Indisponível
Mín 0ºC
0º
Máx 0ºC

Mais Lidas