Portal atualizado em: 28 de novembro de 2022 às 12:29h

Com proximidade das chuvas, Secretaria de Infraestrutura realiza completa desobstrução das bueiras do cais

Início Com proximidade das chuvas, Secretaria de Infraestrutura realiza completa desobstrução das bueiras do cais

Com proximidade das chuvas, Secretaria de Infraestrutura realiza completa desobstrução das bueiras do cais

Secretaria de Saúde

Autor: Comunicação

Com proximidade das chuvas, Secretaria de Infraestrutura realiza completa desobstrução das bueiras do cais

O Cais de Monteiro é uma obra arquitetônica bem peculiar e na época em que foi construída na gestão de Arnaldo Lafayette após a famosa “cheia de 67” para impedir os estragos causados pelas águas do Rio Paraíba já chamou a atenção pela sua engenhosidade e sua importância. Hoje a cidade cresceu ainda mais nas […]

17/12/2021 12h52 Atualizado há 12 meses atrás

O Cais de Monteiro é uma obra arquitetônica bem peculiar e na época em que foi construída na gestão de Arnaldo Lafayette após a famosa “cheia de 67” para impedir os estragos causados pelas águas do Rio Paraíba já chamou a atenção pela sua engenhosidade e sua importância.

Hoje a cidade cresceu ainda mais nas imediações, a “Rua do Cais” tornou-se altamente populosa, o que demanda cuidados constantes em relação à manutenção do cais.

Com este objetivo, a Secretaria de Infraestrutura de Monteiro realizou mais uma vez os serviços de manutenção em toda a extensão do cais e iniciou com a limpeza completa de todas as bueiras.

“A desobstrução das bueiras é indispensável para evitar transtornos sérios para os moradores das regiões periféricas ao cais, e está sendo feita no momento adequado, pois culturalmente sabemos que o período das chuvas se aproxima”, afirmou o secretário Túlio Conrado.

“Essa medida preventiva visa dar esta segurança aos moradores mas aproveitamos para apelar também a estes mesmos moradores para que não joguem lixo, objetos e nem outros materiais nas bueiras, pois todos que moram próximo ao local de alguma forma já conhecem os danos que este tipo de comportamento pode causar, especialmente no inverno”, completou o secretário